Mais info em www.pedrovieira.net

Mais info em www.pedrovieira.net
Mais info em www.pedrovieira.net

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Uma mãe mais pequenina

O meu filhote mais pequeno, de madrugada, chorava pela mãe (ausente no estrageiro em trabalho)... a irmã disse-lhe:

"Maninho, ter uma irmã mais velha é como ter uma mãe mais pequenina e eu estou aqui, meu lindo menino"

Como estava escuro, nenhum deles se apercebeu que o pai tinha os olhos humedecidos pela doçura de uma menina de 5 anos...

3 comentários:

Paulo Lontro disse...

:)

Rui da Bica disse...

Como é que as crianças aprendem tão depressa e tantas vezes nos deixam: bbbaaaahhh...!
... e nos fazem "abanar" o coração, assim ... (?)
Elas são a nossa alegria, o nosso orgulho, o nosso maior "objectivo" na vida !
.

Alexandre disse...

Fabuloso!