Mais info em www.pedrovieira.net

Mais info em www.pedrovieira.net
Mais info em www.pedrovieira.net

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Hipnose e Cirurgia

Em 2007, o Journal of the National Cancer Institute (EUA) publicou um interessante estudo sobre a utilização de hipnose em pacientes prestes a submeter-se a cirurgias relacionadas com cancro da mama.

Neste estudo, as pacientes que se submeteram a uma sessão de 15 minutos de hipnose com um psicólogo antes da cirurgia reportaram menos dor, menos náuseas, fadiga e stress emocional do que o grupo de controlo. Mais interessante ainda, o grupo das "hipnotizadas" necessitou de menos anestesia durante a operação.

Para além de todos os resultados pessoais obtidos pelas pacientes, há ainda a considerar uma poupança média de 700 dólares por paciente por diminuição do tempo necessário na sala de operações!

Nos seus primeiros workshops, na década de 70, John Grinder e Richard Bandler, co-criadores da Programação Neuro-Linguística, costumavam intrigar os participantes (muitas vezes psicólogos, psiquiatras e outros terapeutas) com as aparentemente conflituosas afirmações sucessivas de que "a hipnose não existe" e "tudo é hipnose".

Depois de estudar este fenómeno durante algum tempo, consegui realmente perceber aquilo que eles queriam dizer (até porque tive a possibilidade de estudar directamente com o John Grinder e perguntar!)... Aí vai... O facto é que...

A hipnose não existe
E
tudo é hipnose!


Dá que pensar, não é?

1 comentário:

Anónimo disse...

olá Pedro,
:-) espero que estejas bem e tudo bem contigo? :-)
antes de agendarmos (para breve, espero!) um encontro, peço-te o favor de espreitares o meu site http://hipnose.do.sapo.pt depois do teu post aqui, a conversa será ainda mais profícua! :-)
Votos de um excelente 2011, e um grande abraço, Joao Paulo